O disco de estreia da banda completa 20 anos em outubro; Mike Shinoda, líder do grupo, disse que não pode adiantar quais são os planos

O Linkin Park confirmou que planeja fazer ações especiais para comemorar os 20 anos do álbum “Hybrid Theory“. O disco, lançado em outubro de 2000, foi o primeiro da banda. Segundo o vocalista Mike Shinoda, o grupo está pensando em ideias para celebrar o aniversário. “Nós conversamos com várias pessoas próximas e perguntamos ‘O que a gente deve fazer? O que seria uma boa celebração do Hybrid Theory?’. Vamos fazer o melhor para por em prática algumas das ideias”, disse o músico em entrevista à revista Kerrang, sem citar quais são os planos.

“Hybrid Theory” fez o Linkin Park entrar no radar da música internacional no começo dos anos 2000 e trouxe alguns dos hits mais conhecidos da banda até hoje, como “Crawling” e “In The End“. O disco rendeu indicações da banda ao Grammy de 2002 e chegou à 2ª posição no Billboard 200, o ranking de discos mais vendidos nos Estados Unidos. No Brasil, o álbum conseguiu a certificação de platina por ter vendido mais de 250 mil cópias.

Mike Shinoda explicou que não pode adiantar os planos da banda para a celebração. “O problema é que eu não posso dizer quais são os planos para fazer surpresa, mas os fãs são criativos e começam a imaginar coisas. Eles têm ideias ótimas e, às vezes, elas são melhores que as nossas”, disse. De qualquer maneira, a comemoração do aniversário do disco deve ser o primeiro grande desafio do Linkin Park desde a morte do vocalista Chester Bennington, em 2017. O último álbum da banda, “One More Light”, ainda contava com o músico nos vocais.